X

Busque em mais de 20.000 artigos de nosso acervo.

bootstrapping-multiple-1725x810_28207
Startup

5 Life Hacks para o Empreendedor ‘Bootstrapping’

“Bootstrapped” é uma palavra de código utilizada para “extrema pobreza”. Mas, uma vez que “bootstrapping” soa mais sexy, os empreendedores acabaram adotando-a no seu dia-a-dia.

Bootstrapping é o processo de lançamento de uma empresa usando apenas os recursos existentes.

Em outras palavras, nada.

O crescimento radical pode exigir uma ação radical desde o início. E você terá que fazer algumas loucuras para chegar nele.

Então, para se certificar de que você está devidamente inspirado para escavar essa lista insana, vamos ouvir o que o Steve Jobs tem a dizer:

“Aqui estão os loucos, os desajustados, os rebeldes, os agitadores, os blocos de madeira redondos nos furos quadrados … aqueles que vêem as coisas de forma diferente – eles não gostam de regras … Você pode citá-los, discordar deles, glorificá-los ou vilipendiá-los, mas a única coisa que você não pode fazer é ignorá-los porque eles mudam as coisas … eles empurram a raça humana para a frente, e enquanto alguns podem vê-los como os loucos, nós os vemos como gênios, porque os que são loucos o suficiente para pensar que podem mudar o mundo, são os que o fazem.”

Quer “bootstrap” o seu negócio e mudar o mundo?

Bom, você é louco, mas pode conseguir.

1. Viva no seu carro.

Ria se você quiser, mas há lugares piores para dormir do que um aconchegante assento individual de um Fiat.

Kurt Varner é uma lenda do Vale do Silício. Agora ele não está morando em um carro, mas no começo, ele tinha um orçamento de US $219, e um Honda Civic 2004.

Você pode ler a história dele. Até o momento que você fica sabendo sobre os seus chuveiros aterrorizantes e a falta de um banheiro, você pode ser tentado a comprar seu próprio Civic; ou talvez não.

Se você é inovador, acessível, e pode pagar, você pode até comprar uma Kombi. O Brandon é um funcionário do Google, que não é exatamente uma startup. No entanto, Brandon é um exemplo da mentalidade bootstrapping de um empreendedor que tem como moradia o carro.

Ou, no seu caso, uma van.

Esta mansão, de padrões Civic, atende a todas as necessidades do Brandon. E a melhor parte? É pago. Fonte

Contudo, se você deseja a ligação de viver com pessoas, você também pode tentar fazer um circuito de couchsurfing entre amigos (o que acaba sendo irritante devido a repetição), viver em um apartamento junto com outras dez pessoas (custa dinheiro), ou viver com os seus pais (não precisa de explicação).

2. Consiga coisas grátis (coisas reais).

Além de roubar, como você consegue coisas boas sem pagar por isso?

Alguns vendedores inovadores da Amazon e seus parceiros desenvolveram formas de fornecer produtos gratuitos ou quase gratuitos em troca de você deixar um review. Você pode usar plataformas como o Honest Society para isso.

Ao se inscrever como um revisor, você recebe produtos gratuitos de diferentes marcas do Amazon por quase nada.

E qual é a sua contribuição?

Apenas uma revisão imparcial.

Online reviews são como moeda corrente do vendedor nas plataformas como o Amazon.com. Ao fazer o review de produtos em nome dos vendedores, você pode receber um produto sem nenhum custo ou a preços muito reduzidos.

3. Trabalhe duro em qualquer lugar.

O ponto é: Você não precisa de um escritório.

Quais são as suas opções? Supondo que você está em uma nação industrializada, wi-fi gratuito é tão abundante como a água. Tem uma Starbucks nas proximidades? Então vamos lá.

Munido do seu computador – estou assumindo que você tem um – você pode escolher uma cadeira confortável, uma mesa na calçada, ou mesmo uma voltada para o estacionamento, e desfrutar de uma produtividade excepcional.

Sites e aplicativos como WorkHardAnywhere e Coffices.co, tornam isso possível mostrando onde você pode ter um escritório que não é um escritório.

Ah! E eu ainda o incentivaria a comprar um café com leite.

4. Use um sistema online gratuito para tudo.

Um dos maiores erros que os empreendedores fazem é pagar o dólar mais caro pelos melhores produtos SaaS.

Por que isso é um erro?

Primeiro, o SaaS top de linha é caro. Claro, InfusionSoft é poderoso, mas você tem recursos parar arcar com $2.000 de custo de startup e $200 de taxa mensal? 

Provavelmente não.

Em segundo lugar, existem versões gratuitas de quase todos os tipos de SaaS. O interwebs é bastante amigável com Startups que estão aí lutando. Se você está na categoria certa de “pequeno”, você provavelmente pode usar o SaaS a um custo muito baixo.

Terceiro, você pode fazer muito do que um SaaS faz sozinho.

Pegue software de faturamento como um exemplo. Você poderia comprar Freshbooks.

Problema: Custa dinheiro.

Problema: Você não tem dinheiro.

Em seguida, envie faturas usando PayPal, Invoice-Generator.com ou heck, basta digitar uma fatura no Microsoft Word ou no Pages.

Viu? É o poder do gratuito.

Aqui estão alguns dos melhores sites para se obter o material gratuito para empreendedores:

Logos:  Hipster Logo Generator

FaturasInvoice to me

Naming:  Naminum

Programação de postagem no blog:  Editorial Calendar

Análises SEO: Quicksprout

Análise de popularidade de conteúdo: Buzzsumo

Análises de sites:  Nibbler

Graphic Design:  Canva

E-mail Marketing:  Mailchimp

Medium tem uma lista de 300 coisas grátis incríveis que você pode querer checar.

5. Ensine a você mesmo como fazer qualquer coisa.

O seu maior recurso para economizar dinheiro não é o seu Civic, o seu café na Starbucks, ou a sua revisão de cinco estrelas no Amazon.

É você. Dentro desse seu cérebro empreendedor que não para está a capacidade de fazer o que você bem quiser

Se você quer aprender, você consegue – e provavelmente muito mais barato do que qualquer desenvolvedor, codificador, escritor, hacker, comerciante ou Fiverr é capaz de fazer. Com o growth hacking, você aprende fazendo.

Se você quer algo que custa dinheiro, aprenda. Comece com uma pesquisa no Google, pergunte a um amigo e dê a si mesmo uma educação.

Você ficará surpreso com o quanto de conhecimento e experiência você ganha. A economia de custos? É apenas a cereja do bolo.

Conclusão

Logo nos primeiros dias difíceis da sua startup, você vai cometer erros. Aqueles grandes, idiotas e cabeludos.

Não deixe o desperdício em gastar ser um daqueles erros. Você pode se recuperar de um trabalho mal feito de codificação ou de um site ruim, mas é muito mais difícil de se recuperar de uma dívida gigantesca ou falência.

Há um trade off.

É o mesmo trade off que empresários desorganizados e pessoas super ricas têm feito por um bom tempo. É o trade off entre tempo e dinheiro.

No início, você não tem tempo e nem dinheiro. Mas se você está usando o bootstrapping, então você não tem escolha, a não ser fazer um esforço e poupar o dinheiro.

Em outras palavras, você provavelmente vai gastar mais tempo fazendo coisas difíceis. Mas, eventualmente, vai valer a pena porque  você está construindo um negócio, vivendo um sonho, e fazendo dinheiro de verdade.

Comente este artigo

Populares

CONTEÚDO EXCLUSIVO. TÁTICAS UTÉIS. EMPREENDEDORISMO COMO NENHUM OUTRO.

Para fechar esta janela, clique na área escura.

CLOSE
Topo